Artigo Original 1

Renata Oliveira Maciel dos Santos, Gláucia Cristina Andrade Vieira, Euzeli da Silva Brandão, Ana Carla Dantas Cavalcanti


Cuidados de Enfermagem no Tratamento de Feridas: Uma Pesquisa Bibliográfica


Resumo
Este estudo teve por objetivo identificar na literatura de enfermagem os cuidados recomendados para o tratamento dos clientes com feridas. Trata-se de um estudo bibliográfico, no período entre 2000 e 2008, realizado no banco de dados BDENF, utilizando a palavra chave tratamento de feridas. Foram encontrados 28 artigos, sendo selecionado 11 para leitura, análise e interpretação. Identificou-se para o tratamento dos clientes com feridas no Brasil, pela visão dos enfermeiros, as seguintes propostas: cuidado humanizado; acompanhamento sistemático do paciente com doenças de base; instituição de programas de prevenção e tratamento de UP; decodificação da comunicação não verbal; SAE; coleta de material microbiológico de feridas; treinamento e atualização dos profissionais e toque terapêutico. Os resultados demonstram a preocupação dos enfermeiros em aprimorar a assistência prestadas aos clientes com feridas, sugerindo propostas que visem a assistência integral do sujeito.
Palavras Chaves: Literatura de revisão como assunto. Cuidados de enfermagem.
Abstract
 The aim of this study was to identify in the nursing literature the recommended care for the treatment of clients with wounds. A literature review was conducted by searching the BDENF database for the years 2000 to 2008, using the term “wound care”. Twenty eight articles were retrieved, of which 11 were selected for reading, analysis, and interpretation. The folowing recommendations were made by Brazilian nurses for the treatment of patients with wounds: humanized care; systematic management of patients with comorbid conditions; implementation of programs for the prevention and treatment of pressure ulcers; decoding of nonverbal communication; use of a nursing care plan (NCP); microbial sampling of wounds; training and continuing education of health professionals; and therapeutic touch. The results revealed that nurses are interested in improving the care provided to patients with wounds, as evidenced by their suggestions of practices that alow the holistic care of the patients.
Key words: Review literature as topic. Nursing care.
Artigo Original
Introdução
  O cuidado de enfermagem pode ser definido como um fenômeno resultante do processo de cuidar, assim, pode-se descrevê-lo como o desenvolvimento de atitudes, ações e comportamentos no sentido de promover, manter ou recuperar a dignidade e a totalidade humana. Devendo essas ações ser fundamentadas no conhecimento científico, na experiência, na intuição e no pensamento crítico1.
Assim, ressalta-se que as ações de enfermagem, ou seja, o cuidado de enfermagem no âmbito do tratamento de feridas, também deve estar embasado em evidências científicas, para que esta assistência seja válida e forneça resultados eficazes junto ao cliente.
Neste sentido, auxiliar de modo terapêutico na cicatrização das lesões, ressaltando que este se trata de um processo harmonioso que envolve fenômenos bioquímicos e fisiológicos, que visam a restauração tissular e assistir ao cliente de forma holística é um grande desafio para os profissionais de saúde, principalmente para o enfermeiro, que tem estudado a fundo esta temática2. E a partir do questionamento de muitos enfermeiros durante a sua prática clínica, sobre como atender ao cliente com feridas, de forma não somente a promover a cicatrização, mas também fornecer qualidade de vida ao mesmo, trazemos neste estudo a proposta de responder esta questão, realizando um levantamento bibliográfico com o objetivo de identificar na literatura de enfermagem os cuidados recomendados para o tratamento dos clientes com feridas.
Sabido que a assistência de saúde tem sido potencialmente voltada para a medicalização, e muito pouco focada na atenção integral do sujeito, justificamos a importância de realizar este estudo, para identificação das áreas de atuação da enfermagem, no que tange ao cuidado integral do cliente com feridas. Destacando a importância de assistir o cliente de forma holística, considerando seus aspectos sociais e emocionais, que constituem aspectos essenciais para a recuperação e/ou estabilização do bem-estar das pessoas acometidas por feridas, e não apenas considerar os procedimentos técnicos, mas devemos incorporar à assistência de enfermagem outros elementos, como atenção, interação e disponibilidade3.
Métodos
Trata-se de uma pesquisa bibliográfica nacional no período de 2000 a 2008, na base de dados eletrônicas BDENF. Foi utilizada como fonte a base de dados da biblioteca virtual de saúde, utilizando como descritor para a busca a palavra- chave tratamento de feridas. A busca eletrônica foi efetuada nos dias 13 e 14 de setembro de 2008. A coleta de dados ocorreu através das seguintes etapas: a primeira etapa foi a identificação da produção científica indexada na base de dados pelo descritor acima, sendo encontrado 28 artigos.
A segunda etapa se deu por meio da organização dos artigos em tabela, contendo título, autor, revista, volume, ano de publicação e resumo.
Na terceira etapa houve a seleção dos artigos por leitura dos resumos, utilizando como critério de exclusão o ano, a não relevância com o tema e repetição. Assim, foram 13 excluídos por ano, três pelo tema e um por repetição. Sendo selecionados 11 para leitura, análise do conteúdo e interpretação, de acordo com o objetivo do estudo.
A partir da análise os dados obtidos foram organizados em tabelas, gráficos e quadros, considerando o ano da publicação, o tipo de pesquisa e o enfoque dos cuidados de enfermagem citados no corpo do artigo.
Resultados e Discussão
A partir da análise dos 11 artigos encontrados que apresentavam relevância com o tema, obteve-se uma média de 1,3 artigos produzidos por ano, o que revela uma necessidade de realizar mais estudos nesta temática, além de demonstrar a necessidade de incentivar e intensificar a produção científica nacional para aprofundamento na abordagem deste assunto.
Quanto ao tipo de estudo, demonstrou que 45% dos estudos concentram-se em estudo de campo, 45% em estudos teóricos, sendo revisões de literatura, e apenas 10% estudo experimental.(figura 1).

fig01

Figura 1 - Distribuição das publicações segundo o tipo de pesquisa- Brasil - 2000-2008

As publicações encontradas estão distribuídas em nove periódicos de alguns estados brasileiros. Embora os estudos estejam bem distribuídos entre os periódicos, é possível observar uma leve predominância de produção nas revistas dos estados do Rio de Janeiro e São Paulo (Quadro 1).

Essa leve predominância talvez possa ser explicada por esses estados concentrarem um bom número de universidades federais e estaduais, além de possuir revistas ligadas a essas universidades, que constituem grandes centros de pós-graduação e, portanto, geradores de conhecimento4.
Com a análise do conteúdo dos estudos, foi possível identificar as propostas dos enfermeiros para o tratamento de feridas e para a assistência integral prestada a esses clientes. Além de reunir medidas sugeridas, que devem ser adotadas para melhoria na qualidade da assistência prestada a esses clientes. Vislumbrando o indivíduo de forma integral, foi possível identificar as ações utilizadas pelos enfermeiros para o cuidado holístico desses clientes, além de produtos sugeridos para a promoção da cicatrização e as propostas de capacitação dos prestadores da assistência, o que traduz a preocupação dos profissionais de enfermagem em aprimorar a assistência prestada aos seus clientes.
Proposta para tratamento de feridas no Brasil: visão dos enfermeiros
- cuidado humanizado; 
- acompanhamento sistemático do paciente com doenças de base; 
- instituição de programas de prevenção e tratamento de UP; 
- decodificação da comunicação não verbal; 
- sistematização da assistência de enfermagem; 
- coleta de material microbiológico de feridas; 
- treinamento e atualização dos profissionais; 
- toque terapêutico; 
- utilização de produtos como: papaína, própolis, açúcar, bota de Unna, carvão ativado, filme transparente, membrana amniótica, clara de ovo, colagenase, hidrocolóide, alginato de cálcio, pomadas antimicrobianas, AGE, fibras de viscose e poliéster.
Essas propostas demonstram a preocupação dos profissionais de enfermagem em aprimorar o cuidado prestado aos clientes com feridas, evidenciando o cuidado de enfermagem baseado em produções científicas para o tratamento de feridas e promoção da qualidade de vida dos clientes.
Conclusão
Essa análise de literatura permitiu concluir que os cuidados recomendados na produção de enfermagem são aqueles que visam a assistência integral da pessoa com ferida.
Considerações Finais
Os resultados obtidos denotaram eficácia positiva na produção científica, no que tange ao cuidado de enfermagem integral à pessoa com feridas, e ratifica a afirmação de esta ser uma área ocupada e estudada pelos enfermeiros. No entanto, observou-se uma deficiência em estudos clínicos quanto à aplicação dos cuidados de enfermagem e o relato sobre a eficácia dos mesmos em ambientes reais, sendo possível perceber a falta de produção que traga evidências científicas comprovadas por ensaios clínicos, portanto, este estudo recomenda a realização de grandes estudos que evidenciem resultados mais eficazes. Esta pesquisa também revela que a produção nacional nesta temática tem levemente prevalecido nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo, demonstrando a necessidade de incentivar a produção de estudos por todo o país, além de confirmar a preocupação dos enfermeiros em aprimorar a assistência prestada aos clientes com feridas, sugerindo propostas de cuidados que visem a assistência integral do sujeito, e não apenas focalizados em medicamentos e procedimentos técnicos.

References


Brandão ES. Desvelando segredos do cuidar. In: Brandão ES, Santos I. Enfermagem em Dermatologia cuidados técnicos, dialógico e solidário. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2006.

Filho PRS. O processo de cicatrização. In: monografia. São Paulo: Abboutt, 2008

Brandão ES. Desvelando segredos do cuidar. In: Brandão ES, Santos I. Enfermagem em Dermatologia cuidados técnicos, dialógico e solidário. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2006.

Figueiredo RM, Zem-Mascarenhas SH, Napoleão AA, Camargo AB. Caracterização da produção do conhecimento sobre sistematização da assistência de enfermagem no Brasil. Rev Esc Enferm USP, 2006.

Blanes L, Yoshitome AY, Ferreira LM. Úlcera por pressão: Utilizando instrumentos de avaliação de risco como estratégia para a prevenção. Estima. Sociedade Brasileira de Estomaterapia 2003; 1 (3): 37-45

Pereira AL, Bachion MM. Tratamento de feridas: análise da produção científica publicada na Revista Brasileira de Enfermagem de 1970-2003. Rev Bras Enferm. 2005;58(2):208- 13.

Ferreira AM. Feridas infectadas: método diagnóstico e condutas de enfermagem. Acta Paul. Enferm. 2004;17(2):189- 94.

Gomes FSL, Carvalho DV. Tratamento de ferida: revisão da literatura. Rev Min Enferm. 2002; 6(1/2):67-72.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.


SOBEST - Associação Brasileira de Estomaterapia: Estomias, Feridas e Incontinências
Rua Antônio de Godoi, n 35. Sala 102, Centro
CEP 01034-000
São Paulo/SP