Política Editorial

Missão

Divulgar trabalhos originais e inéditos de relevância teórica e/ou prática resultantes de pesquisas técnicas e científicas no campo da enfermagem em estomaterapia contribuindo para o avanço da especialidade e da pesquisa científica em nível nacional e internacional.

 

Foco e Escopo

A Estima – Brazilian Journal of Enterestomal Therapy é o veículo oficial de publicação da Associação Brasileira de Estomaterapia: estomias, feridas e incontinências – SOBEST.

Destina-se à publicação de artigos elaborados por profissionais e acadêmicos da área da saúde. Com foco na prática clínica, gerenciamento, ensino e desenvolvimento profissional, são aceitos artigos que possam contribuir para a ampliação do conhecimento e para o desenvolvimento da Estomaterapia.

Seu escopo concentra-se nas áreas da especialidade (estomias, feridas, fístulas, cateteres e drenos e incontinências,) bem como desenvolvimento profissional do especialista.

Seu título abreviado, ESTIMA – Braz. J. Enterestomal Ther., deve ser utilizado em todas as referências bibliográficas.

E a partir de 2018, a publicação dos artigos ocorre em dois idiomas, português/inglês ou espanhol/inglês, apenas na versão online e na modalidade fluxo contínuo, reunidos em um único volume anual. Os artigos são disponibilizados assim que aprovados pelo editor chefe e finalizados pela produção editorial.

 

Tipos de Manuscritos

São aceitos para publicação artigos originais, artigos de revisão, reflexões teóricas, estudos de caso e relatos de experiência. Além dos tipos de artigos citados, a revista conta com publicação de editoriais, produzidos por Experts em determinada área, a convite dos editores da revista ou carta ao editor.

Editorial

Produzido a convite do(s) Editor(es) da Revista. No máximo duas páginas.

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Artigo Original

Manuscritos de pesquisa original e inédita. Os artigos devem conter no máximo 60 mil caracteres com espaço, incluindo figuras, tabelas, referências e anexos (estes quando necessários e indispensáveis).

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigo de Revisão

Revisão de literatura (Sistemática ou Integrativa): estudo abrangente e crítico da literatura sobre assunto de interesse para o desenvolvimento da Estomaterapia. Limitado a 50 mil caracteres com espaço.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Relato de Caso

Relato de caso clínico/Experiência: relato de caso clínico ou de experiência deve estar limitado a casos excepcionais ou série de casos, que não constituem amostra significativa e que sejam de grande interesse científico. Sua extensão limita-se a 20 mil caracteres com espaço.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Cartas ao Editores

Esta seção publica cartas dirigidas aos editores da revista com a intenção de esclarecer, discutir e comentar artigos recentemente publicados pela ESTIMA – Braz. J. Enterestomal Ther., expressando concordância ou discordância sobre o assunto abordado, ou relatar pesquisas originais e achados científicos significativos. Limitado a 10 mil caracteres com espaço.

Verificado Submissões abertas Não verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares
 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

 

Processo de Avaliação pelos Pares

A ESTIMA – Braz. J. Enterestomal Ther. adota o sistema de avaliação por pares duplo cego, onde a identidade dos autores e avaliadores são preservadas. Os manuscritos submetidos serão inicialmente verificados quanto à adequação ao escopo, observância do atendimento às normas editoriais e a similaridade do conteúdo (plágio) utilizando o sistema iThenticate. Ainda nesta fase, o manuscrito pode ser aceito para avaliação, rejeitados ou devolvido aos autores para correções e neste caso sugerindo ressubmissão para nova análise.

Os manuscritos aceitos para avaliação serão encaminhados para no mínimo dois pareceristas ad hoc, que deverão avaliar o manuscrito quanto ao conteúdo científico, encaminhando o resultado ao editor chefe ou editor associado que, baseado nos mesmos, decidirá pela publicação, recusa  ou solicitação de correções ao autor. Nos casos em que uma nova versão é solicitada, após recebimento, o editor chefe ou editor associado poderá decidir pela aceitação imediata ou encaminhamento para nova rodada de avaliação.

Os editores e avaliadores se valem do direito de declinar do aceite para avaliação em caso de artigos que não estejam contemplados no escopo da revista, não possuam questões de pesquisa clara e inédita ou método adequado para resposta a questão de pesquisa.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio da gratuidade e democratização do acesso público ao conhecimento científico. 

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Periodicidade

O Brazilian Journal Enterostomal Terapy é uma publicação contínua (rolling pass) que produz um volume anual com 40 artigos

 

Direitos autorais

Para maximizar a disseminação e uso do material publicado, a ESTIMA – Braz. J. Enterestomal Ther. adota a licença Creative Commons Atribuição CC BY. Assim os direitos autorais pertencerão aos autores, sendo permitido que outros distribuam, remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho, mesmo para fins comerciais, desde que atribuído o devido crédito.

 

Aspectos Éticos

A Estima – Brazilian Journal of Enterestomal Therapy segue o Code of Conductand Best Practice Guidelines for Journal Editors do Committeeon Publication Ethics (COPE) (http://publicationethics.org/), bem como, as orientações do International Committeeof Medical Journal Editors, http://www.icmje.org. Destaca também que apoia a política de Ensaios Clínicos da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das Boas Práticas Clínicas. Bem como a Declaração de Helsinki (1964, reformulada em 1975, 1983, 1989, 1996, 2000, 2008 e 2013), além do atendimento a legislações de pesquisa realizada no Brasil.

Para pesquisas que envolvem seres humanos, os autores deverão enviar cópia de aprovação emitida por um Comitê de Ética reconhecido pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP), conforme regulamentado pelas Resoluções n. 466/2012 e n. 510/2016 do Conselho Nacional de Saúde (CNS) ou órgão equivalente, no país de origem da pesquisa, ainda que se trate de estudo/relato ou série de casos. Nas pesquisas desenvolvidas no Brasil, o número do processo/projeto deverá constar na Seção de Métodos do manuscrito.

Todos os artigos publicados são de inteira responsabilidade dos autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião dos Editores e dos membros do Conselho Editorial.
Quando houver a utilização de produtos farmacêuticos, estes deverão ser citados genericamente no corpo do texto. Havendo necessidade de citar a marca, esta deverá ser efetuada no final do texto, como observação.

Estudos do tipo ensaio clínico devem incluir o número do Registro de Aprovação de Ensaios Clínicos (http://www.ensaiosclinicos.gov.br), cujo documento comprobatório deverá ser enviado à revista. Em casos de pesquisas envolvendo animais, a aprovação da Comissão de Ética no Uso de Animais também deve ser encaminhada. Considerando-se que a Revista Estima apoia as políticas para registro de ensaios clínicos da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do International Committee of Medical Journal Editors (ICMJE) e reconhecendo a importância dessas iniciativas para o registro e divulgação internacional de informação sobre estudos clínicos, em acesso aberto, serão aceitos para publicação somente os artigos de pesquisas clínicas que tenham recebido um número de identificação em um dos Registros de Ensaios Clínicos. Esses devem ser validados pelos critérios estabelecidos pela OMS e ICMJE, cujos endereços estão disponíveis no site do ICMJE (http://www.icmje.org). O número de identificação deverá ser registrado no final do resumo.

 

Má Conduta

A Estima – Brazilian Journal of Enterestomal Therapy utiliza o Digital Object Identifier (DOI®) é comprometida com os princípios da ética e da integridade científica e condena fortemente o plágio e o autoplágio, utilizando do sistema de detecção do nível de similaridade iThenticate mediante convênio firmado pela Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC).

Caso a similaridade seja superior 21%, o manuscrito será recusado e tanto os autores quanto suas instituições serão notificadas. Caso plágio ou fraude sejam detectados no processo peer-review, nas etapas de avaliação por revisores ou pelos editores, estas medidas também serão aplicadas.

Quando qualquer tipo de má conduta for identificada após a publicação do artigo, a Estima – Brazilian Journal of Enterestomal Therapy irá publicar uma retratação informando a infração cometida na mesma edição que o manuscrito tiver sido divulgado.

 

Documentos para submissão

□ Manuscrito sem identificação dos autores
□ Parecer do Comitê de Ética / Protocolo de registro de ensaios clínicos
□ Comprovante do pagamento da taxa de submissão ou de Associado SOBEST ativo.